Domingo, 27 de Junho de 2010

pedrAs e PEDRAS !!!

 

 

Finalmente um passeio ao Reino da Pedra. PNSAC - Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros. Quatro pedrAs à partida de uma volta com muitas mais PEDRAS (das verdadeiras...). Marco M. , Miguel A., Miguel R. e Fernando G. responderam à chamada.

O percurso escolhido foi um track descarregado da net : http://www.gpsies.com/map.do?fileId=kqukltfhghhunwvc com cerca de 60km, com início e final em Alcanede.

 

 

O percurso é muito bonito e com excelentes condições para a prática do BTT (preferencialmente com uma bicicleta de suspensão total...) e o track foi muito bem marcado, sem nunca proporcionar enganos ou situações duvidosas. Os nossos agradecimentos ao autor !

 

A primeira parte (sentido sul-norte) é maioritariamente a subir e os quilómetros finais quase sempre a descer. O piso é o típico do PNSAC, ou seja : pedra, pedra e mais pedra! Alguns estradões, também alguns singletracks bonitos em zonas com fetos e tudo... e muitos caminhos marginados pelos característicos muros de pedra.

 

Alcanede e o seu castelo altaneiro

 

O percurso começa (e acaba) mesmo em Alcanede, em frente ao Restaurante "O Alcaide". Daí seguimos algum tempo em alcatrão, quando súbitamente nos surge à direita uma rampa em terra, com mau piso e uma inclinação forte, que nos dá as boas vindas e serve de "aquecimento" para o que aí vem.

 

 

Continuamos a subir e podemos avistar sobre a esquerda um "capacete " de nuvens sobre a serra. Primeiras impressões fantásticas. A paisagem é rude mas imponente.

 

 

 

Pedalamos depois algum tempo num zona planáltica onde podemos observar algumas formações cársicas - lapiás. Primeira paragem para a foto de grupo e algumas "brincadeiras".

 

 

Depois desta acrobacia, o nosso carteiro pedalante encontra uma referência à sua terra: o mundo é pequeno, realmente!!!

 

 

Entretanto, e um pouco mais à frente, numa aldeia lindíssima (S.Julião, salvo erro...) outros encontram referências às suas fortes paixões extra-betetísticas. O mundo é GRANDE !

 

 

Continuamos a subir e a certa altura alguém olha para a direita e repara num local extraordinário : uma zona de recolha de água da chuva, que depois de rolar poruma encosta de pedra, se encaminha para um reservatório que abastece a povoação. O engenho humano tem destas surpresas...

 

 

 

Aproveitámos para "brincar" um bocado e quando saímos desta zona encontrámos duas grandes cobras mortas em plena estrada. Continuando a subir até uma saída para a direita que nos coloca de novo "em situação", isto é num trilho pedregoso e inclinado, mas com uma vista muito bonita sobre a serra.

 

 

 

 

 

Por esta altura estávamos já a curtir bastante os trilhos, e o Miguel R. ia fazendo os seus habituais registos de imagem em vídeo (que esperamos ter em breve disponíveis...).

 

 

No final deste excelente trilho, entramos num estradão que nos leva até uma fiada de moinhos bem bonitos.

 

 

m&m's : Marco Messias

 

Segue-se uma ligeira descida e voltamos novamente a subir em single track até ao ex-libris deste passeio : a FÓRNEA. Um local absolutamente fantástico, onde paramos um bocado para apreciar o panorama e tratar do estômago...

 

 

 

a fórnea : de cortar a respiração...

 

 

 

Saímos da Fórnea por um single interessante, inicialmente a subir, mas depois entramos numa zona extremamente rápida em que as "talegas" cumpriram a sua função, deixando-nos rolar a cerca de 40km/h por entre os já referidos muros de pedra. Alta adrenalina....

 

 

Como referimos acima, agora o percurso é quase sempre a descer, não sem que de quando em vez nos apareçam alguns trilhos "tipo Sintra" (classificação feita pelo Marco, devido aos fetos existentes nestes caminhos.

 

 

Estamos quase a chegar ao ponto de partida. Fazemos ainda uma pequena subida que passa perto do castelo de Alcanede, e depois descemos para o "trilho final" :

 

Trilho secreto (de porco preto...) e água das pedras amarela (?)

 

Referimos no início que a volta terminou em frente ao Restaurante " O Alcaide". Erro ! Terminou DENTRO do dito restaurante, onde fomos muito bem recebidos pelo patrão, que também é betetista e com quem combinámos, desde já, futuras incursões aos trilhos do PNSAC.

 

Venha lá o PEC que vier, este dia bem passado já ninguém nos tira!

 

 

FG

tags:

publicado por pedramarela às 20:59
link do post | comentar | favorito
|

.pedrAmarela BTT


. sobre nós

. seguir perfil

. 1 seguidor

.pesquisar

 

.Maio 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Novas Camisolas num dia d...

. 25 de Abril à Chuva

. 10.000 km em Single-Speed...

. SSintra, 26-02-2012

. Sintra - 17-02-2012

. Arrábida - 10-02-2012

. Moinhos da Raimonda - 05-...

. Arruda/Montejunto - 26-01...

. Malveira/Arruda/Sobral - ...

. Malveira/Santa Cruz - 13-...

.arquivos

. Maio 2012

. Abril 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Junho 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds